Como dividir ambientes de forma barata e simples?

Luiz Neto

03/04/2024, 15:04

Como dividir ambientes de forma barata e simples?

Descubra dicas e ideias econômicas para separar espaços de maneira prática e funcional em sua casa ou escritório.

Tabela: Ideias para dividir ambientes de forma econômica

Método Descrição
Biombos Divisórias portáteis e versáteis, ideais para separar ambientes de forma rápida e econômica.
Estantes Utilize estantes vazadas para criar divisórias funcionais e ainda ganhar espaço de armazenamento.
Cortinas Crie divisões temporárias com cortinas leves e transparentes, proporcionando privacidade sem bloquear a luz.

Como dividir ambientes de forma barata e simples é uma questão que muitas pessoas enfrentam ao buscar delimitar áreas em ambientes integrados. A divisão de ambientes pode trazer diversos benefícios, seja para criar espaços mais funcionais, para separar áreas de convívio ou até mesmo para proporcionar maior privacidade. Neste artigo, vamos apresentar 9 dicas de como dividir ambientes de forma econômica e prática.

Por que dividir ambientes?

A importância de delimitar áreas em ambientes integrados é fundamental para criar espaços mais organizados e funcionais. Ao dividir ambientes, é possível separar áreas de convívio, como sala de estar e sala de jantar, ou até mesmo criar um espaço de trabalho em um ambiente compartilhado. Além disso, a divisão de ambientes proporciona maior privacidade e conforto, permitindo que cada área seja utilizada de forma independente.

A importância de delimitar áreas em ambientes integrados

  • Criação de espaços mais organizados
  • Possibilidade de separar áreas de convívio
  • Maior privacidade e conforto

Benefícios da divisão de ambientes

  • Maior funcionalidade dos espaços
  • Possibilidade de criar ambientes personalizados
  • Melhor aproveitamento do espaço disponível

Tipos de divisórias

Existem diversos tipos de divisórias que podem ser utilizadas para dividir ambientes. Cada tipo de divisória possui características e materiais diferentes, e a escolha vai depender do estilo e necessidades de cada ambiente. Alguns dos tipos mais comuns de divisórias são:

Divisória de madeira

A divisória de madeira é uma opção tradicional e versátil. Ela pode ser utilizada em diferentes estilos de decoração e proporciona um aspecto mais acolhedor ao ambiente. Além disso, a divisória de madeira pode ser encontrada em diferentes modelos, como painéis vazados ou ripas, permitindo a passagem de luz e ventilação.

Divisória de vidro

A divisória de vidro é uma opção moderna e sofisticada. Ela permite a integração visual entre os ambientes, mantendo a sensação de amplitude. Além disso, o uso do vidro traz maior luminosidade ao ambiente, aproveitando a luz natural. É importante ressaltar que a divisória de vidro pode ser utilizada em diferentes espessuras e acabamentos, como vidro transparente, jateado ou colorido.

Divisória de drywall

A divisória de drywall é uma opção prática e econômica. Ela é feita com placas de gesso acartonado, que são fixadas em uma estrutura metálica. A divisória de drywall pode ser facilmente instalada e permite a passagem de fiação elétrica e hidráulica, o que a torna uma opção bastante versátil. Além disso, o drywall pode receber diferentes acabamentos, como pintura, revestimento cerâmico ou papel de parede.

Divisória de MDF

A divisória de MDF (Medium Density Fiberboard) é uma opção econômica e versátil. O MDF é um material produzido a partir de fibras de madeira, que são prensadas e coladas, resultando em uma placa resistente e uniforme. A divisória de MDF pode ser encontrada em diferentes cores e acabamentos, como laca, madeira natural ou laminado. Além disso, o MDF permite a aplicação de diferentes técnicas, como recortes a laser ou usinagem, possibilitando a criação de divisórias personalizadas.

Dicas para dividir ambientes gastando pouco

3.1 Utilize móveis multifuncionais para delimitar o espaço

Uma forma econômica e prática de dividir ambientes é utilizar móveis multifuncionais, como estantes ou prateleiras. Esses móveis podem ser posicionados estrategicamente para criar uma divisão visual entre os ambientes, além de oferecerem espaço de armazenamento.

3.2 Delimite o espaço com painéis

Os painéis são uma opção versátil e econômica para dividir ambientes. Eles podem ser feitos de diferentes materiais, como madeira, MDF ou PVC, e podem ser fixados na parede ou no teto. Os painéis podem ser utilizados para criar divisões parciais ou completas entre os ambientes, de acordo com a necessidade.

3.3 Utilize pinturas diferentes

A pintura é uma forma simples e econômica de delimitar áreas em ambientes integrados. Utilize cores diferentes nas paredes ou no teto para criar divisões visuais entre os ambientes. Além disso, é possível utilizar técnicas de pintura, como listras ou degradê, para criar efeitos interessantes.

3.4 Use tapetes para delimitar áreas

Os tapetes são uma opção prática e econômica para delimitar áreas em ambientes integrados. Utilize tapetes de diferentes tamanhos, cores ou estampas para criar divisões visuais entre os ambientes. Além disso, os tapetes proporcionam conforto e aconchego aos espaços.

3.5 Utilize estantes e prateleiras abertas

As estantes e prateleiras abertas são uma forma criativa e econômica de delimitar espaços. Além de oferecerem espaço de armazenamento, elas podem ser utilizadas como divisórias entre os ambientes. Utilize objetos decorativos ou livros para criar uma divisão visual interessante.

3.6 Faça uso de biombos

Os biombos são uma opção prática e versátil para dividir ambientes. Eles podem ser encontrados em diferentes materiais, como madeira, MDF ou tecido, e em diferentes estilos. Além de criar uma divisão visual, os biombos podem ser utilizados como elementos decorativos.

3.7 Use o sofá para delimitar a sala

O sofá pode ser utilizado como uma forma prática e econômica de delimitar a sala de estar. Posicione o sofá estrategicamente para criar uma divisão visual entre os ambientes. Além disso, o sofá oferece conforto e aconchego aos espaços.

3.8 Pisos diferentes para áreas distintas

A utilização de pisos diferentes é uma forma criativa e econômica de delimitar áreas em ambientes integrados. Utilize pisos de diferentes materiais, cores ou texturas para criar divisões visuais entre os ambientes. Além disso, os pisos podem ser utilizados para criar efeitos interessantes.

3.9 Use plantas para separar áreas

As plantas são uma opção natural e econômica para dividir ambientes. Utilize vasos de diferentes tamanhos ou espécies para criar divisões visuais entre os ambientes. Além de trazerem vida e frescor aos espaços, as plantas também melhoram a qualidade do ar.

FAQ - Perguntas frequentes

1. Qual é a melhor opção de divisória para ambientes integrados?

A escolha da melhor opção de divisória vai depender do estilo e necessidades de cada ambiente. A divisória de madeira é uma opção versátil e acolhedora, enquanto a divisória de vidro proporciona integração visual e luminosidade. Já a divisória de drywall é prática e econômica, e a divisória de MDF permite personalização. Avalie as características de cada tipo de divisória e escolha aquela que mais se adequa ao seu ambiente.

2. É possível dividir ambientes gastando pouco?

Sim, é possível dividir ambientes gastando pouco. Utilize móveis multifuncionais, painéis, pinturas diferentes, tapetes, estantes e prateleiras abertas, biombos, o sofá, pisos diferentes e plantas para criar divisões visuais entre os ambientes. Essas são opções econômicas e criativas para delimitar áreas em ambientes integrados.

3. É necessário contratar um profissional para fazer a divisão de ambientes?

A contratação de um profissional vai depender da complexidade da divisão de ambientes. Para opções mais simples, como o uso de móveis ou pinturas, é possível fazer por conta própria. No entanto, para opções mais complexas, como a instalação de divisórias de vidro ou drywall, é recomendável contar com a ajuda de um profissional especializado.

4. É possível criar divisórias temporárias?

Sim, é possível criar divisórias temporárias utilizando biombos, cortinas ou móveis. Essas opções são práticas, econômicas e podem ser facilmente removidas ou alteradas de acordo com a necessidade.

5. Como escolher as cores das divisões?

A escolha das cores das divisões vai depender do estilo e objetivo de cada ambiente. Cores claras e neutras proporcionam uma sensação de amplitude e luminosidade, enquanto cores escuras trazem aconchego e sofisticação. Além disso, é importante considerar a harmonia com os demais elementos decorativos do ambiente.